sábado, 17 de novembro de 2012

Caça Palavras

para vós, Senhor, que ergo meu clamor. Ó meu apoio, não fiqueis surdo a minha voz; não suceda que, vós não me ouvindo, eu me vá unir aos que desceram para o túmulo. Ouvi a voz de minha súplica quando clamo, quando levanto as mãos para o vosso templo santo." Salmo 27, 1-2

Postar um comentário

Muito obrigado pela visita!!!

Clique nas paginas para ver outras matérias.

Seguidores

Total de visualizações de página

Colaboradores


Foto: