terça-feira, 30 de agosto de 2011

Festa em Louvor a Nossa Senhora do Patrocínio

Convite

A paróquia Nossa Senhora do Patrocínio tem a alegria de celebrar, em setembro, a festa da Padroeira de nossa cidade. A abertura será dia 02/09/2011(sexta-feira) com uma carreata, objetivando não só a abertura da festa como também clamar pela paz em Patrocínio.Acredita-se que essa mobilização sensibilizará a todos.

Solicitamos a colaboração e o incentivo dos fiéis de sua paróquia tanto para divulgar o evento quanto para participar efetivamente desse momento.

A carreata sairá da praça da Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio, às 17h30m.Sugerimos que os motoristas coloquem um lenço branco na antena do carro, simbolizando nosso apelo pela paz.

Veja o Cartaz:


Certo de sua colaboração e participação, desde já agradeço.
_________________________________
Pe. Vanderci Ataide Santana
Pároco da Paróquia N.Sra. do Patrocínio

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Festa em Louvor a Nossa Senhora do Rosário

GRANDIOSA FESTA EM LOUVOR A
NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO
E SÃO BENEDITO

A PARÓQUIA SANTA TEREZINHA E A
COMUNIDADE NOSSA SENHORA DO
ROSÁRIO CONVIDAM VOCÊ E SUA FAMÍLIA,
PARA JUNTOS CELEBRARMOS A 28ª
FESTA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO
E SÃO BENEDITO.

DE 10 A 18 DE SETEMBRO DE 2011
NO BAIRRO MATINHA - PATROCÍNIO/MG


“Recitar o Rosário nada mais é do
que contemplar o rosto de Cristo”
Veja o Cartaz:


PROGRAMA

NOVENAS A NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO E SÃO BENEDITO
Dia 03/09 às 20:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário
Apresentação dos Festeiros e Reinado de Nossa Senhora do Rosário

Dia 10/09 às 20:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário
Apresentação dos Padrinhos e Madrinhas de Nossa Senhora do Rosário

Dia 13/09 às 19:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário

Dia 14/09 às 19:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário

TRÍDUO A NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO E SÃO BENEDITO
Dia 15/09 às 19:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário

Dia 16/09 às 19:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Coroação de Nossa Senhora do Rosário

Dia 17/09 às 14:00h:
Bênção dos Cavaleiros e Cavalgada dos Devotos de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito.

TRAJETO DA CAVALGADA
Saída: Igreja Nossa Senhora do Rosário. Rua Nonato Matias, Rua Joaquim Novato, Av. Marciano Pires, Av. Jacinto Barbosa, Rua Professor Oscar Rodart, Av. JK, Rua Sebastião Ferreira do Amaral e Rua Odilon Afonso.
Participação: CCP, Festeiros, Padrinhos e Madrinhas.

Dia 17/09 às 20:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário.
Coroação de Nossa Senhora do Rosário.
21:00h: Bênção e levantamento do Mastro
Participação dos Ternos de Congados e Moçambique, CCP, Festeiros, Padrinhos e Madrinhas.

ENCERRAMENTO
Dia 18/09 às 10:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário.
Coroação de Nossa Senhora do Rosário
Participação: Ternos de Congados e Moçambique

Dia 18/09 às 15:00h:
Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário.
Coroação de Nossa Senhora Rosário, Passagem das Coroas e Procissão.
Participação dos Ternos de Congados e Moçambique

Participe!!!
Venha com sua família! Todos os dias haverá Celebração Eucarística, Novena e Coroação.
Movimentação de Barraquinhas com pasteis, caldos, espetos e muita alegria.

Nossa Senhora do Rosário!!!
Rogai por Nós!!!
São Benedito!!!
Rogai por Nós!!!

=========================================
Pe. José Ricardo Lucas de Lima (Pároco)
Pe. Ivan José Ribeiro
Paróquia Santa Terezinha

Semana da Família

SEMANA DA FAMÍLIA
DE 28 DE AGOSTO A
04 DE SETEMBRO DE 2011

“FAMÍLIA,
PESSOA E SOCIEDADE”

Veja o Cartaz:

28 de Agosto - Domingo
18:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha
Tema: “Família como rede de solidariedade”
19:30h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Edwiges e São Pelegrino
Tema: “Políticas publicas que valorizam a família”

29 de Agosto - Segunda Feira
19:30h - Grupo de Oração da Igreja Santa Terezinha
Local: Igreja Santa Terezinha
19:30h - Grupo de Oração da Igreja Nossa Senhora Rosário
Local: Igreja Nossa Senhora Rosário

30 de Agosto - Terça Feira
19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha
Tema: “Os desígnios de Deus Sobre o matrimônio e a família”
Participação: E. E. Joaquim Dias
20:00h - Bate Papo com Famílias

01 de Setembro - Quinta Feira
18:00h - Adoração santíssimo Sacramento e Confissões
19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha
Tema: “A família e a Pastoral da Criança”
Participação: E. E. Dalva Stela de Queiroz

02 de Setembro - Sexta Feira
18:00h - Adoração santíssimo Sacramento e Confissões
19:00h - Celebração Eucarística na Igreja São Francisco
Tema: “Família geradora de uma sociedade nova”
Participação: Pastoral da Juventude
20:00h - Bate Papo com Jovens

03 de Setembro - Sábado
18:40h - Celebração Eucarística na Igreja São Francisco
Tema: “Os desígnios de Deus para a pessoa”
Participação: E. M. João Beraldo
20:00h - Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário
Tema: “A pessoa se realiza na comunhão”

04 de Setembro - Domingo
08:00h - Celebração Eucarística na Igreja São Francisco
Tema: “Fraternidade e vida no planeta”
09:30h - Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora Aparecida
Tema: “A espiritualidade do acolhimento e da adoção”
Participação: Escola Valma de Oliveira e Creche Pedro Bernardes Dias.

Encerramento
18:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha
Tema: “Homem e Mulher Deus os criou”
Participação: de todas as Pastorais e Movimentos.

======================================================
Pe. José Ricardo Lucas de Lima - Pároco
Paróquia Santa Terezinha
Rua Oscar Rodarte, 901
Patrocínio - MG - Fone: (34) 3831-8654

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Suíno no Rolete - Fotos

Veja a Galeria de Fotos:

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Editorial Agosto 2011

MÊS DAS VOCAÇÕES

Agosto, mês das vocações, e assim somos chamados a vocação Matrimonial, Sacerdotal e Religiosa. Falar em vocação nos traz de imediato à mente a compreensão de um chamado e de uma missão a cumprir. Os documentos da Igreja ensinam que toda pessoa é vocação.

Também comemoramos o dia do padre. Antes de tudo caro leitor(a) quero dizer-lhe que o padre existe porque Deus ama você. O padre é ponte entre Deus e o povo. A palavra “padre” quer dizer pai. Sim pai da Comunidade, amigo de Jesus, irmão dos seus colegas padres, diácono do povo. A todos os padres nossos cumprimentos, parabéns e agradecimentos.

O último domingo de agosto é o dia do catequista. É com admiração, reconhecimento e gratidão que a Igreja celebra esta festividade. A catequese é o sucesso de Jesus, o bem supremo da Igreja, a humanização e evangelização das pessoas, real colaboração na renovação da sociedade. A catequese é o útero da mãe Igreja, onde o Espírito Santo gera novos cristãos, como gerou Jesus no seio de Maria. Sendo a igreja Corpo de Cristo, a catequese é seu sangue e vitalidade. “A catequese é a alma da Igreja”.

Parabéns aos Catequistas de nossa Paróquia, Deus abençoe e proteja a todos!!

Pe. José Ricardo Lucas de Lima
Paróquia Santa Terezinha.

Diversão em Dobro!!!

Duas Noites do Pastel.

Nos dias 03 e 04 de setembro de 2011, a partir das 19:00 horas, no pátio da Matriz de Santa Terezinha. Além do pastel, também vai ter caldos e refrigerantes.

Realização EJC (Encontro de Jovens com Cristo) da comunidade Nossa Senhora do Rosário.

A renda será em beneficio do Encontro de Jovens com Cristo, que se realizará nos dias 30 de Setembro, 01 e 02 de outubro.

Participe!!!

EJC - Encontro de Jovens com Cristo (Nossa Senhora do Rosário)

Festa em Louvor a São Vicente de Paulo

Comunidade Terapêutica São Vicente de Paulo, (Colina da Paz)

Realizará no dia 25 de setembro a 2ª Festa em louvor a São Vicente de Paulo, as novenas já estão sendo realizadas, todas as quartas-feiras às 20 horas, nas comunidades da paróquia Santa Terezinha, com leilões e bingos.

Contamos com a presença de todos. Abraços!!!

Ana Maria e Valdineu


Ministro da Palavra

A divulgação da Palavra de Deus pela Igreja é decisiva para a fé do Cristão, já que ela possibilita o acolhimento livre ao anúncio salvífico da pessoa de Cristo, acolhimento este possibilitado pela atuação do Espírito Santo.

É através da pregação da Palavra e do Kerigma, que acontece um autêntico encontro com Cristo. Assim a leitura da Palavra na Liturgia, torna-se para os fiéis a primeira e fundamental escola da fé. Por isso deve ser dignamente anunciada nas celebrações, cuidadosamente preparadas para assim ser encarnada na vida.

Cristo, nosso Senhor, para apascentar e aumentar continuamente o povo de Deus, instituiu na sua Igreja vários ministérios, para bem de todo o Corpo.

A partir do Concilio Vaticano II, a Igreja volta seu olhar para o leigo, dando-lhe a grande oportunidade de participar dos diversos serviços.

Com o crescimento do número de comunidades nas paróquias, vários homens e mulheres engajados, têm sido convidados para auxiliar nas celebrações. Esses leigos presidem as celebrações, anunciam a palavra e distribuem a Eucaristia. O Pão Eucarístico servido foi consagrado em uma missa anterior, pois o ministro não pode consagrar.

É um trabalho de doação, porém, não é mais importante de que tantos outros realizados na igreja. O ministro pode ser casado ou solteiro; sendo importante que tenha uma vida equilibrada, procurando dar exemplo de amor ao Evangelho de Jesus Cristo e prática de oração.

Para ser ministro não basta conhecimento humano, nem habilidade humana (talento), mas uma entrega feita de coração para a obra de Deus e para o anúncio da Boa Nova aos irmãos. Para tanto, é necessário ler, meditar, pesquisar e sobretudo pedir a luz do Espírito Santo para que possa anunciar a Boa Notícia de Nosso Senhor.

Ao se apresentar para presidir uma celebração, o ministro precisa ter uma postura de acolhimento aos irmãos. Precisa demonstrar alegria, boa vontade, paciência, entusiasmo, coragem, determinação e humildade.

Ser ministro da palavra não garante nenhum privilégio, antes de tudo é preciso ter a consciência de que se trata de um serviço, de um chamado, que precisa ter uma resposta positiva, porém com total desapego.

Pelo Batismo recebemos o chamado de sermos anunciadores do Reino. E esse anúncio deve ser feito com todo zelo e com todo amor.

Na celebração da Santa Missa do dia 07 de agosto, na Matriz de Santa Terezinha, foram investidos os novos Ministros da Palavra, que se somam aos ministros atuais.

Foi uma celebração de muita fé e alegria, todos radiantes para serem investidos na nova missão de anunciar a palavra de Deus, aos irmãos.

Que Santa Terezinha ajude e ilumine todos os ministros da palavra, para que sejam portadores da ESPERANÇA.

----- Pascom Santa Terezinha -----

Veja a Galeria de Fotos:

Encontro de Casais com Cristo

Encontrão do E.C.C - Encontro de Casais com Cristo

Num clima de paz e oração foi realizado mais um Encontrão do E.C.C. da paróquia Santa Terezinha. Aconteceu no último dia 27 de julho na Igreja de Santa Edwiges e contamos com a participação das pessoas da comunidade que rezaram e cantaram com muita alegria.

No Encontrão houve momentos de oração e espiritualidade, confraternização e descontração sendo ainda realizado sorteios de brindes e aquele animado cafezinho para os casais.

O objetivo do Encontrão é de incentivar os casais a continuar a caminhar firmes na fé com Cristo e de propiciar essa opção de tempo para o casal refletir sobre Deus e a família.

O encontro de casais com Cristo nos leva a contemplar as maravilhas do Senhor, evangelizando os casais e as famílias.

Convidamos a todos os casais do E.C.C. para estarem presentes no próximo Encontrão, que acontecerá em Setembro.

----- Pascom Santa Terezinha -----


Pai...

Aquele que está sempre presente, que aconselha e encoraja, que dá bons exemplos, que muitas vezes renuncia seus sonhos para viver os de seus filhos, que fica feliz com o sucesso do filho...

A vocês pais, que nos deu a vida e nos ensinou como vive-la com dignidade, que nos deu amor, carinho, alegrias e por quem temos muita admiração e buscamos em vocês nosso porto seguro.

Que Deus continue abençoando e dando muita sabedoria para a missão de ser Pai.

Feliz Dias dos Pais!

----- Pascom Santa Terezinha -----

Cantinho do Coração de Jesus

AGOSTO... QUE FESTANÇA!

Todos os meses são ótimos mas, penso que o mês de agosto é o que reúne mais datas e comemorações especiais. Entre outros, celebramos a memória de São João Maria Vianney (dia 04), São Domingos (dia 08), São Lourenço (dia 10), Santa Clara (dia 11), São João Eudes (dia 19), Santa Rosa de Lima (dia 23), São Bartolomeu (apóstolo - dia 24), Santa Monica (dia 27), Santo Agostinho (dia 28), Martírio de São João Batista (dia 29).

E ainda a Transfiguração do Senhor (dia 06), Assunção de Nossa Senhora (dia 15), para a nossa região a querida e amada Nossa Senhora da Abadia e também a festa de Nossa Senhora Rainha (dia 22).

Não bastasse tantos santos, tantas boas lembranças, agosto é o mês essencialmente das vocações. No primeiro domingo, celebramos o Dia do Padre, que é o grande vocacionado e responsável por nos trazer Jesus Eucarístico; no segundo, o Dia dos Pais, que também trazem a vocação de ser colaboradores de Deus, gerando e educando novas vidas para o mundo; no terceiro, Dia dos Religiosos, que assumem a vocação da entrega, do serviço, da consagração de suas vidas a Deus e às comunidades; e no último domingo do mês, o Dia dos Catequistas, vocacionados para evangelizar, para preparar cada pessoa, seja criança, jovem ou adulto, a admirar a pessoa de Jesus e a desejar seguí-Lo para sempre.

De todas as vocações , importantes, valiosas e necessárias que são, vale a pena destacar a vocação primeira de todos nós, que é a de sermos santos. Padres, religiosos, catequistas, pais e mães, filhos e filhas, profissionais de todas as áreas, plantados e enraizados onde Deus mesmo escolheu para nós, carregamos, antes de tudo, o germe da santidade em nossas vidas. A exemplo de tantos santos e santas, também temos nossas misérias e fraquezas, mas também haveremos de vencer!

Resta-nos fixar nossos olhos, nosso coração, nosso pensar, nosso agir e todo o nosso viver, nos exemplos de nossos santos queridos e na pureza e ternura de Nossa Senhora, Mãe e Rainha do céu e da terra.

Assim poderemos dar o melhor de nós sem se importar se somos patrões, empregados, pais, mães, filhos, padres, religiosos, catequistas ou membros de alguma pastoral.

O importante é que antes da vocação que vivemos hoje, já tínhamos a semente de santidade, podemos então ser aquilo que Deus quer de cada um de nós.

Um abraço amigo,

Maria José S. Alfredo.

Paróquia Santa Terezinha comemorou o Dia do Padre

No último dia 04 de agosto, a Paróquia Santa Terezinha comemorou o Dia do Padre em virtude de São João Maria Vianney. Esse grande sacerdote se santificou no confessionário, pois ficava horas confessando e orientando os fiéis que chegavam de longe à sua pequena comunidade para receber os seus conselhos. São João Maria Vianney era pároco em um vilarejo muito pequeno e com persistência e oração conseguiu transformar toda a comunidade.

Assim, também, todos os padres e leigos são chamados a transformar o local onde vivem. E essa é a vocação de cada padre: colaborar na construção do Reino de Deus.

Que São João Maria Vianney interceda por todos, mas principalmente pelos sacerdotes, para que sejam santos.

Nosso Pároco Padre José Ricardo, no “dia do Padre”, pela manhã celebrou na Igreja de São Francisco, a noite celebrou na Matriz de Santa Terezinha.

Os paroquianos das comunidades urbanas e rurais, aproveitaram as celebrações para demonstrar o carinho e gratidão que têm pelos nossos sacerdotes, prestaram homenagens, deram presentes, tudo para agradecer a dedicação e o trabalho, oferecido sem medir esforços, para a construção do reino de Deus. Fazendo daqui um pedacinho do céu.

Que Santa Terezinha, faça cair do céu, sobre todos os sacerdotes, uma chuva de rosas.

Ao final da celebração na Matriz de Santa Terezinha, Lourdes Barbosa, declamou o poema que se segue abaixo.

----- Pascom Santa Terezinha -----

Aos Padres, com carinho!

Este dia é de alegria,
Pois viemos celebrar
A memória de São João Maria,
Que ao sacerdócio conseguiu chegar.

Dos párocos: o padroeiro;
Dos fiéis: o conselheiro.
Celebramos nesta liturgia,
Querido Padre, o teu dia.

Oxalá, soubesses hoje,
O quanto te queremos bem,
Não fazes jorrar água da pedra,
Nem maná do céu nos vem!

Porém milagre maior,
Vivenciamos vezes seguidas,
O Messias descendo do céu,
Em tuas mãos ungidas!

Parabéns, Padre! Felicidades!
Te entregamos com alegria,
O carinho e a amizade
De todos nós, tua família!

Lourdes Barbosa (Pastoral Familiar)



Entrevista com o Pré Diácono José Luís de Araújo Paiva

Amigos e Amigas, segue abaixo a entrevista com o José Luís, nossos sinceros agradecimentos a ele pelo carinho e acolhida. Que o divino mestre o ilumine pelos caminhos da vida.
Natanael Oliveira Diniz (Comunidade Santa Terezinha)

Entrevista

1- Conte-nos sua história, de onde você é?

Sou natural de Alto Rio Doce, Zona da Mata Mineira. Sou o oitavo de uma família de nove filhos, sendo seis mulheres e três homens. Com a graça de Deus meu irmão mais velho é sacerdote a 11 anos nesta diocese, hoje ele é pároco em São Gotardo . Meu pai é Antonio Moreira de Paiva e minha mãe é Maria José de Araújo Paiva. Meus pais moram na zona rural. Foi nesse ambiente que cresci e tive o contato com o trabalho até meus 17 anos. Aos 22 anos fui para o Seminário Propedêutico “dom George Scarsso” e aos 23 entrei para o Seminário “Dom José Andre Coimbra”, em Patos de Minas, onde cursei os cursos de Filosofia e Teologia. Recebi o ministério de leitorato no dia 19 de março de 2009 e o mistério de Acolitato no dia 17 de julho de 2009. Com a graça do bom Deus em 27 de agosto de 2011 receberei o primeiro grau da ordem, o diaconato.

2- Como se despertou para a vocação sacerdotal?

Com 18 anos fui pra cidade de Juiz de Fora estudar e Trabalhar. Comecei a trabalhar no supermercado e Indústria Carrefour e de La só sai para ingressar no seminário. Logo que cheguei a Juiz de Fora conheci um grupo de jovens chamado RENAC (renascer no amor de Cristo) e foi desse grupo, fazendo retiros, encontros que despertou a vocação. Posso dizer que foi nesses encontros que veio os questionamentos internos e o maior desejo de encontrar o Deus verdadeiro.

3- Em tempos de grande mudanças na sociedade e na vida das pessoas. Qual o papel do padre nos dias de hoje?

O celebre aviador francês Antoine de Saint-Exupéry escreveu uma carta a um general: “há apenas um único problema no mundo: como se pode dar aos homens uma significação espiritual; fazer que orvalhe sobre eles algo que se pareça com um canto gregoriano? Veja, não podemos viver mais de galerias, de política, de balanço e de palavras cruzadas. Não é mais possível”. Por isso, o papel de um padre e tornar viva a humanidade. Uma única palavra de bondade pode transformar um homem, quando nada mais lhe pode valer. Assim, se torna claro quanto é importante para nós o ser padre. Tem o papel de proclamar a Palavra de Deus, mas que não se resume só nos sermões, mas pronunciada nas conversas com os velhos e com os jovens, com os abandonados, com os doentes, com os homens para os quais ninguém tem tempo, para os quais a vida se tornou escura e pesada. Quanto precisamos hoje de homens que sabem escutar, que são capazes de falar com um doente no fim da sua vida, dando-lhe esperança e sentido, quando as luzes deste mundo se apagam. Também sabemos da importância na celebração dos sacramentos; em especial o da penitência e o da eucaristia. Poder dizer a palavra do perdão faz parte das incumbências mais difíceis e mais belas da vida de um padre: muitas vezes é deprimente ser o lugar no qual se dispõe a impureza da humanidade. E, contudo ao mesmo tempo é uma atividade cheia de esperança: saber que tudo pode ser transformado, que o homem se deixa transformar. No papel eucarístico, o sacramento do altar é ponto culminante na vida do padre. Isto nos lembra que a celebração vem do sacrifício: “se o grão de trigo não morre não produz frutos”. Sem o sacrifício, sem a fadiga da renúncia, a si mesmo aprendida lentamente não pode cumprir verdadeiramente o serviço de Cristo. Portanto, tem um papel fundamental o padre na sociedade.

4- Como você se sente ao chegar até aqui e ver o quanto caminhou, quem são seus referenciais de caminhada?

Tenho ciência de que nunca foi possível cumprir sozinho tal missão plenamente: o servo não está acima de seu Mestre. Minha missão caminha, porque outros sofrem, crêem e rezam comigo. Nós todos, precisamente como cristãos, vivemos uns dos outros e cada celebração eucarística nos quer recordar este uns pelos outros. Por isso, caminhei até aqui. Esse ministério que caminho nos faz ouvir Deus e fala de nós mesmos, daquilo que faz o homem ser homem. Sei que soube ouvir no meio da indiferença humana a voz de Deus. Este ouvir se fez vocação e a vocação se tornou peso que deve ser suportado nas fadigas de uma longa vida. Mas a fadiga se torna graça para mim mesmo, porque no meio do peso do serviço encontro a plenitude da vida. Portanto, meus referenciais sempre foram a Santa amada Igreja em Jesus Cristo e a virgem Maria.

5- Quais são seus santos(as) de devoção?

São José que é padroeiro da cidade que nasci e da virgem Maria

6- Nossa cidade de Patrocínio é conhecida por sua hospitalidade e o jeito mineiro de ser. Como você avalia seu trabalho aqui?

Sou grato ao bom Deus por estar aqui exercendo minha missão. De fato fui muito bem recebido. Agradeço aos padres dessa cidade pelo carinho e dedicação e a todos paroquianos. Os frutos dessa missão aos poucos são semeados e irrigados com amor e fé.

7- Deixe-nos sua mensagem, e rogamos ao Cristo um sacerdócio feliz e com as bênçãos de nossa padroeira Santa Terezinha.

Minha mensagem será uma prece por nós três ordenantes e por esse mês vocacional. Por isso, peçamos que também hoje a voz de Deus continue nos invocando e aparando. Pedimos que também hoje chame homens. Que também hoje desperte homens que são capazes de ouvir. E agradeço a todos pelas orações. Pedimos ao Senhor Jesus Cristo, o bom Pastor, que nos abençoe para levarmos a consumação o que começamos. Amém. Conto com suas orações!

José Luís de Araújo Paiva

Convite!

A Diocese de Patos de Minas, nossas famílias e nós,
Carlos Eduardo da Silva;
Divino Lucas de Souza;
José Luís de Araújo Paiva.

Temos a honra de convidar V. Exa. E Ilma. Família para participarem da solene concelebração Eucarística da qual seremos Ordenados Diáconos pela imposição das mãos e pela oração consecratória de Exmo. Revmo. Dom Cláudio Nori Sturm, Bispo da Diocese de Patos de Minas MG.

27 de Agosto de 2011, às 09:30 horas, na Catedral de Santo Antônio de Pádua, em Patos de Minas MG.

Confiantes suplicamos vossas orações, Deus vos recompense!

Caça Palavras

Encontre no quadro a baixo, alguns dos títulos de Nossa Senhora

Nossa Senhora da Abadia;
Nossa Senhora Aparecida;
Nossa Senhora Auxiliadora;
Nossa Senhora do Bom Conselho;
Nossa Senhora da Cabeça;
Nossa Senhora das Dores;
Nossa Senhora de Fátima;
Nossa Senhora de Guadalupe;
Nossa Senhora da Guia;
Nossa Senhora das Graças;
Nossa Senhora de Lourdes;
Nossa Senhora dos Navegantes;
Nossa Senhora do Rosário;
Nossa Senhora da Saúde.



----- Pascom Santa Terezinha -----

“Nossa Senhora da Abadia”

FESTA DE NOSSA SENHORA DA ABADIA DE ÁGUA SUJA COMPLETA 141 ANOS EM AGOSTO 2011

A festa em homenagem à Nossa Senhora da Abadia da Água suja é uma das mais populares festas religiosas do Brasil e a maior manifestação cultural e de fé do Triângulo Mineiro, ela é celebrada no mês de agosto na cidade de Romaria - MG.

Seja cavalgadas, excursões de ônibus, carros, motociclistas, ciclistas ou romeiros a pé, lá estão os devotos de Nossa Senhora da Abadia pagando promessas, pedindo graças ou simplesmente por fato de devoção. As rodovias que cortam a cidade ficam cheias de pessoas caminhando. São milhares os devotos da santa que se deslocam de grandes distâncias, a fim de cumprirem suas promessas e demonstrarem a sua Fé. Quem mesmo que por curiosidade, ou por sentimento religioso, assisti aos festejos em honra a santíssima Mãe de Deus, nunca mais deixa de lá ir, de modo que as romarias crescem de ano para ano. De todas as partes do Triângulo Mineiro e dos estados vizinhos, chegam os peregrinos em busca da imagem. A Virgem, vendo a grande fé com que esse povo venerava sua imagem, não cessou, até o dia de hoje, de alcançar de seu Divino Filho, graças extraordinárias e até milagres em favor dos que a ela recorrem e procuram neste santuário.

A festa de Nossa Senhora da Abadia de Água Suja começou dia 24 de julho e vai até o dia 16 de agosto. No dia 15 é comemorada a chegada de nossa senhora ao céu, é um dia solene em honra de Nossa Senhora da Abadia, tendo missa na praça e procissão com coroação da imagem de Nossa Senhora da Abadia por um grupo de romeiros.

----- Pascom Santa Terezinha -----

Veja a Galeria de Fotos:

Dia do Padre

Dia 04 de agosto a Igreja de Cristo celebra no mundo inteiro o dia do padre! Este ano celebramos os 152 anos da morte de São João Maria Vianney, patrono de todos os sacerdotes. Neste dia reza-se por todos os sacerdotes, colocando-os no sagrado coração de Jesus para que todos os padres sejam santos, para que assim, possam santificar o povo confiado a eles e que as orações possam se estender de forma intensa durante todo o ano.

Sabemos que Cristo foi fiel até a morte e morte de Cruz (Ef 2,8). Assim também, o sacerdote neste ano sacerdotal e no dia do padre (04 de agosto), é chamado a tomar consciência novamente de que deves amar a Cristo incondicionalmente e ser fiel até a morte. Pois Deus é fiel com seu povo, e merece que o povo também tenha sacerdotes santos e fiéis, para tornar o povo cada vez mais santo para o próprio Deus. Sabemos que para Deus nada é impossível.

O Sacerdote é chamado a santidade e fidelidade. A oração é fundamental, juntamente com o espírito de penitência e caridade para que isso aconteça. Ser padre é um dom, um presente de Deus.

Antes do jovem dizer seu sim, é preciso ouvir a voz de Deus que o chama. Nenhum jovem pode se auto oferecer para ser padre se não escutar a voz e a vontade de Deus. Antes de acontecer a vontade do jovem é preciso que haja a vontade de Deus. Os estudos no seminário é um período para um verdadeiro e autêntico discernimento vocacional. Nem todos os jovens que entram para o seminário serão padres.

O seminário é lugar de cultivar a verdadeira vocação. Quem não tem uma autêntica vocação pode não conseguir chegar até o fim. Ser padre não é fácil, assim como também ser esposo(a), ser pai ou mãe não é fácil!

Cada vocação tem suas alegrias e desafios, dificuldades e tribulações. Assim neste dia do padre todos são chamados a refletir sobre a importância da vocação sacerdotal, pois o sacerdote deve ser um pastor segundo o coração de Jesus para cuidar do rebanho como o próprio Cristo cuida! Sabemos que sem o sacramento da ordem não teríamos o Senhor sacrificado sobre o altar da cruz para nos sustentar e nos santificar, em nossa caminhada para o céu.

Dizia são João Maria Vianney que “Se compreendêssemos bem o que um padre é sobre a terra, morreríamos: não de susto, mas de amor (...) sem o padre, a morte e a paixão de Nosso Senhor não teria servido para nada. É o padre que continua a obra da Redenção sobre a terra (...) Que aproveitaria termos uma casa cheia de ouro, senão houvesse ninguém para nos abrir a porta.

O padre possui a chave dos tesouros celestes: é ele que abre a porta; é o ecônomo do bom Deus; o administrador dos seus bens (...) Deixai uma paróquia durante vinte anos sem padre, e lá adorar-se-ão as bestas... O padre não é padre para si mesmo, é-o para vós”

Enfim, amáveis paroquianos, assim como o papa implora as orações de todos os fiéis para a santificação do clero, exorto-vos com carinho, consciente da necessidade de santos sacerdotes cheios de ternura e fidelidade, imploro de vós as orações e penitências pelos padres do mundo inteiro e mais precisamente pelos de nossa querida diocese. Que o Deus da paz os santifiquem totalmente, para transmitirem paz, alegria, esperança e muito amor para este povo tão sedento das coisas celestes e divinas.

PE. Ivan José (Assessor Vocacional e
Reitor do Seminário Menor Mons. Josias Tolentino de Araújo)

Passatempo

Coloque as letras das palavras em ordem e forme as frases:

“sei uqe teriase moc coves dotos so sida” Mt 28,20

“uso a tropa mueq trenar pro mmi resa valso” Jo 10,9

“dese tossan moco sovos Pia teceles é natoS” Mt 5, 48

“a valheo padride eu a recoipurra a ardesgara eu a doniruzice” Ez 34,16


----- Pascom Santa Terezinha -----

CatequInformando

Amigos catequistas, neste mês vocacional, entreguemos nossa vocação catequética nas mãos de Santa Terezinha,.

Que ela nos embale na suavidade das rosas, curando-nos das feridas dos espinhos, ensinando-os que só no AMOR, nossa missão vale a pena.

Abramos nosso coração e fiquemos de ouvidos atentos para ouvir a voz do Deus Catequista.

O texto abaixo do catequista Alberto Meneguzzi, ajuda-nos a refletir, a tomar consciência da vocação catequética. Permaneçamos firmes e atentos.

Leia mais uma vez! Vale a pena.
Edilamar

A voz do Deus catequista

Quando calo, a voz me diz: “grite!”. / Quando canso, me diz: “ande!”. / Quando me acomodo, ela diz: “mexa-se!” e quando caio, me diz: “ levanta-te!”.

Quando me sinto frágil, a voz me diz: “és forte!”. / Quando me sinto forte, ouço um alerta: “cuidado!”. / Quando choro, a voz me anima: “sorria!”.

A voz me diz coisas, a todo o momento. / Quando desisto, ela diz : “insista!”. / Quando insisto demais, ela diz:“calma!”

A voz é sábia. É a voz do Deus catequista. Ela sempre indica um caminho. / Ela traça e lança desafios.

A voz me freia quando estou acelerado. Acelera quando estou lento.

A voz do Deus catequista está presente no meu dia como um gravador programado para entrar em ação a todo instante, me dizendo as coisas certas nas horas que mais preciso.

É esta voz quem me fez não desistir. / É ela quem me pede para prosseguir. / É ela quem me enche de amor nos momentos de profundo deserto. / É ele quem coloca no meu rosto, o semblante de alguém que não vegeta, mas vive, pulsa, busca, luta, quer algo diferente.

É esta voz que me apresenta pessoas especiais.

A voz do Deus catequista me acompanha a todo instante e está sempre me pedindo para não desistir. “Eu preciso de ti, eu preciso de ti, eu preciso de ti, eu preciso de ti, eu preciso de ti”.

Ela insiste! / E eu me rendo: “sim, sim, sim, sim.”. É a minha resposta.

Esta voz que me atormenta, é a mesma que me sustenta. /É o grito daqueles que estão sem voz. /É o grito daqueles que estão fracos, sem forças.

É a voz que me dá a luz. É a voz que me conduz. /É voz que faz com que eu não desista. /É voz do meu Deus catequista.

Agosto é mês Vocacional

Quando Deus chama, Ele mesmo nos capacita!

Vocação é um chamado do Senhor. É Deus quem chama e envia. A iniciativa é toda de Deus.

“Não fostes vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi e vos designei para que vades e produzais frutos e o vosso fruto permaneça” (Jo 15,16).

Deus quando chama, Ele leva em conta toda a sua pessoa, a começar pelo nome, passando pela sua família e pela sua história. Nada fica de lado em sua vida.

Quando Deus chama, Ele mesmo o capacita para aquilo para o qual está o chamando. Por isso, não precisamos ter medo porque a iniciativa é toda do Senhor. A nossa parte é responder dizendo “sim” e nos colocando inteiramente à disposição d'Aquele que nos chama.

A vocação afeta a pessoa no mais profundo do seu íntimo e quando somos afetados por esse chamado não temos como dizer “não”; a nossa resposta sempre será “sim”!

"Deixei-me seduzir..."

Todos nós fomos escolhidos, chamados por Deus para uma missão. A Palavra diz que Jesus subiu ao monte e chamou os que Ele quis e os designou e os preparou para uma missão específica, a de levar a Sua Palavra por todo o mundo (cf. Mc 3, 13-19). Mas Deus não nos chama só para isso. Há lugar para todos em Seu Reino. Existem os que pregam, os que se dedicam somente às famílias, os que defendem a pátria. Enfim, é infinita a missão de Deus. O Senhor conta com corações abertos para colaborar com Ele nessa linda companhia.

Qual é a sua missão? A que você é chamado hoje? Não diga que aquilo que faz hoje não é um chamado; não é uma missão! Não diga que você não é capaz; porque quem nos capacita é Deus. O chamado foi um presente d'Ele aos discípulos e na Palavra não está escrito que eles estavam capacitados para a missão que iriam receber. Ao contrário, todos corriam o risco de fracassar, de não dar conta; mas, o segredo está em confiar e se abandonar nas mãos d'Aquele que chama, capacita e envia. Quem é chamado recebe a autoridade espiritual e o conforto da presença constante do Senhor.

Creia! Você também foi escolhido por Deus para uma missão e precisa investir nela. O Senhor o conhece e conhece a missão que escolheu para você, conhece seu potencial e também suas limitações. Não são as características pessoais de cada um que determinam a vocação, muito pelo contrário, o próprio profeta responde dessa forma: “Não sei falar, sou apenas uma criança...” (Jer 1, 6). Mas saiba: o Senhor não se importa se você tem potencial ou não, a partir do momento em que Ele nos chama, todo o potencial vem d'Ele.

Toda a graça da vocação de ser pai, de ser mãe, padre, missionário, freira, político, seja lá o que for, se é Deus quem chama toda a graça para executar a vocação vem d'Ele. Quem foi chamado só precisa responder a essa iniciativa amorosa de Deus, como Maria, que disse: “Eis-me aqui, faça-se a Tua Vontade”

----- Pascom Santa Terezinha -----

Família, Pessoa e Sociedade

Nossa sociedade é baseada na estrutura familiar. Em outras palavras, a família é a organizadora social mais importante, que ajuda as pessoas a se desenvolverem e se relacionarem com o mundo.

A estrutura familiar varia de cultura em cultura. Mas, em todas elas se reconhece a necessidade de um grupo humano que defenda os mais fracos. Isso não inclui apenas recém-nascidos e crianças, nas também doentes, idosos, portadores de deficiência, etc.

A família é um ponto de apoio para que as pessoas se tornem livres, autônomas e responsáveis, sendo capazes de formar suas próprias famílias tornando a primeira e mais importante escola do ser humano.

Hoje, entendemos família como grupo reduzido a casal e filhos. Isso não quer dizer que não haja outros tipos possíveis de família. Os moradores de uma mesma casa criam laços de família por solidariedade, mesmo sem terem laços de sangue. Uma comunidade religiosa também pode ser considerada como uma família, desde que haja afeto e solidariedade entre seus membros.

Em resumo, existe família quando há um grupo estável de pessoas, unidas por laços: do Amor de parentesco, de solidariedade e de afeto.

Oração pela Família

“Ó Deus, de quem procede toda a paternidade no céu e na terra.

Pai, que és amor e vida, faze que cada família humana sobre a terra se converta, por meio de Teu Filho, Jesus Cristo, nascido de mulher e mediante o Espírito Santo, fonte da caridade divina, em verdadeiro santuário da vida e do amor para as gerações que sempre se renovam.

Faze que tua graça guie os pensamentos e as obras dos esposos para o bem de suas famílias e de todas as famílias do mundo.

Faze que as jovens gerações encontrem na família apoio para sua humanidade e para seu crescimento na verdade e no amor.

Faze que o amor reafirmado pela graça do matrimônio, se revele mais forte que quaisquer debilidades a qualquer crise, pelas quais às vezes passam nossas famílias.

Faze, finalmente, Te pedimos por intercessão da Sagrada Família de Nazaré, que a Igreja, em todas as nações da Terra, possa cumprir frutiferamente sua missão na Família e por meio da família.

Tu, que és a vida, a verdade e o amor, na unidade do Filho e do Espírito Santo. Amém”


----- Pascom São José -----

Visitas

No dia 27 de julho a Paróquia de São José, visitou o Santuário de Nossa Senhora da Cabeça na cidade de Perdizes.

O nosso pároco Pe. José Marcos presidiu a celebração da Santa Missa concelebrado com o Pe. Geraldo Magela, destacando a presença do Monsenhor Calimério encerrando-a com uma bonita coroação a Nossa Senhora da Cabeça. A visita contou com a presença dos paroquianos da paróquia de São José que com sua fé abrilhantaram a bonita festa em louvor a Nossa Senhora da Cabeça.

----- Pascom São José -----

Dia do Catequista

“A catequese é um processo dinâmico e abrangente de educação da fé, e não apenas uma instrução. Não basta planejar o bom andamento de um conjunto de temas. Trata-se de promover a integração da caminhada da comunidade cristã com a mensagem do Evangelho. A caminhada na educação da fé deve durar a vida toda.”

Ser Catequista é anunciar o Evangelho, o amor, a fraternidade, crescendo no conhecimento do Deus Amor. A sua formação vem dos sofrimentos e lutas do povo nas experiências que se liga com a fé e a vida na comunidade.

A tarefa do catequista consiste em quatro atitudes de vida: servir, dialogar, anunciar e testemunhar. Parabéns Catequistas pelo se dia.


----- Pascom São José -----

Dia do Padre

Ser Padre e saber formar uma rede de comunidades que visa evangelizar a palavra de Deus, a Eucaristia, o perdão e o mais importante, ser exemplo de humildade e tolerância. Sua missão é construir, unir e alimentar as comunidades, e são verdadeiros testemunhas da fé, por sua oração e sacrifício. Ter um padre em nossas comunidades é uma benção de Deus e isto precisa ser celebrado com muito amor e alegria.

Felicidades a todos os padres em especial a nosso pároco Padre José Marcos dos Santos. Que Deus sempre os abençoe e guarde, hoje e sempre.

Maércio dos Reis de Souza - PASCOM

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

O Mensageiro - Agosto de 2011

O Mensageiro - Agosto de 2011

Orgão Informativo da Paróquia Santa Terezinha e Paróquia São José

Patrocínio MG - Diocese de Patos de Minas

Clique nas Imagens e veja:

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Ordenaçao Diaconal

A Diocese de Patos de Minas, nossas famílias e nós,
Carlos Eduardo da Silva;
Divino Lucas de Souza;
José Luís de Araújo Paiva.

Temos a honra de convidar V. Exa. E Ilma. Família para participarem da solene concelebração Eucarística da qual seremos Ordenados Diáconos pela imposição das mãos e pela oração consecratória de Exmo. Revmo. Dom Claudio Nori Sturm, Bispo da Diocese de Patos de Minas MG.
27 de Agosto de 2011, às 09:30 horas, na Catedral de Santo Antônio de Pádua, em Patos de Minas MG.

Confiantes suplicamos vossas orações, Deus vos recompense!

“Se eu, que sou o MESTRE e o Senhor, vos Lavei os pés, também vós deveis Lavar os pés uns dos outros.” (Jo 13,14)


Muito obrigado pela visita!!!

Clique nas paginas para ver outras matérias.

Seguidores

Total de visualizações de página

Colaboradores

Foto: