domingo, 28 de julho de 2013

Longe do Barulho

Pastoral da Família em Retiro

    Dia vinte e três de junho foi um dia especial para os agentes da Pastoral Familiar da Paróquia Santa Terezinha. Passamos o dia retirados do “barulho lá de fora” para nos entregarmos ao Espírito Santo, ouvir, meditar, refletir e nos abastecermos dos ensinamentos do Pai, que nos foram transmitidos por Jesus Cristo.

    O Retiro começou com a Santa Missa, celebrada por Padre Ivan, na capela do Seminário Monsenhor Josias.

    Na parte da manhã, após a leitura de 1Jo 4, 7-12 passamos a refletir sobre o motivo pelo qual Deus nos criou. Para que vivemos? Deus é amor. Ele nos criou para nos amar. Então somos filhos do Amor. O que somos nós? É muita incoerência se nós não formos, também, amor. Não seria legítima nossa filiação do Deus Amor. Antes de amar a Deus eu tenho que experimentar o amor de Deus. Não podemos ficar só na imagem e semelhança, temos que amar do jeito que somos amados. Deus me ama e me deu o 1º mandamento, que eu o amasse acima de tudo e mandou amar ao meu próximo como Ele me amou.

    Não podemos deixar nosso Pai triste, aborrecido, bravo, por causa das nossas atitudes. Amamos nosso Pai, Amamos o Amor!

    À tarde, com Padre José Ricardo, partindo de Ef. 5, 20-22, refletimos sobre a diferença entre Casamento e Matrimônio: União de Amor, de doação como a de Jesus com a Igreja. Viver um Matrimônio puro e santo. Como nas Bodas de Caná, convidar Jesus, não só para a festa, mas para conviver com a família sempre e sempre. Buscar a santificação rezando, juntos, o terço, todos os dias.

    Agradecemos aos Padres por esta oportunidade que nos deram. Aos irmãos de fé que cuidaram com tanto carinho da nossa alimentação. E ao Deus Amor que veio nos ensinar a amá-lo mais ainda.

    Paz e Bem a todos!

Lourdes Barbosa - Pastoral Familiar

Postar um comentário

Muito obrigado pela visita!!!

Clique nas paginas para ver outras matérias.

Seguidores

Total de visualizações de página

Colaboradores

Foto: