segunda-feira, 15 de junho de 2009

CatequInformando






Catequese, Caminho para o discipulado.
“Nosso coração arde quando ele fala, explica as Escrituras e parte o pão”. (Lc 24, 32-35)
Maio foi um mês muito significativo para a catequese em nossa paróquia; primeiro por ser o mês que a Igreja homenageia Nossa Senhora, também pelas inúmeras atividades desenvolvidas na catequese.
Com a graça de Deus, conseguimos realizar o proposto no nosso calendário.
- Cumprimos as reuniões previstas: diocesana, paroquial e comunitária: a primeira em Patos de Minas, reunindo com todos os coordenadores da diocese, a segunda com toda a coordenação paroquial e a terceira, reunindo com os grupos nas comunidades, todas tratando de assuntos relevantes a catequese e reforçando o ANO CATEQUETICO NACIONAL 2009.
- Tivemos o retiro com o Bispo Diocesano Dom Cláudio, que sem duvida foi um dos momentos mais ricos de crescimento pessoal e como catequista. “DEUS, CONFIA QUE POSSAMOS SER MELHOR, NÃO DESISTE DE NÓS. É NECESSÁRIO UM OLHAR NOVO.”
- Encontro com todos os catequizandos da perseverança I, II, e III, numa tarde bem descontraída de reflexão e confraternização, em parceria com a Pastoral Familiar, abordando temas referentes à família e a Bíblia.
- Encontro de formação com os catequistas da zona rural na Mata do Silvano, estudando o texto base do Ano Catequético Nacional.
- Participação da solenidade de Pentecostes, mostrando a proposta do ano catequético:
1- Aprender Caminhando com o MESTRE
2- Aprender Ouvindo o MESTRE
3- Aprender agindo com o MESTRE. E Os dons do Espírito Santo.
E como não podendo deixar, o fechamento do mês de maio uma bela coroação a Nossa Senhora, feita pelos catequistas.
“Nosso coração arde, quando Ele fala, explica as escrituras e parte o pão.” (Lc 24, 32-35) O lema do ano catequético inspirado no texto bíblico dos discípulos de Emaús é muito atraente e toca a sensibilidade de todos: O que pode ser mais tocante do que algo que faz nosso coração bater mais forte, que o faz arder.
Completando dez anos de nossa paróquia, que os catequistas se, se ponham a caminho, com o desejo de ser discípulos e discípulas do Mestre. Entremos pra valer na escola de Jesus, procurando seguir os seus passos, num esforço de assumir os mesmos sentimentos que estavam no seu coração. Que o fato de caminhar com Jesus e ouvir a sua Palavra faça arder o nosso coração, nos desperte para o acolhimento, nos ajude a celebrar bem e a partilhar.
Que Santa Terezinha nos impulsione na nossa missão de catequistas, que de fato Possa de verdade arder o nosso coração, ao anunciar o MESTRE.



Edilamar

Postar um comentário

Muito obrigado pela visita!!!

Clique nas paginas para ver outras matérias.

Seguidores

Total de visualizações de página

Colaboradores


Foto: